Tom King e Jason Fabok podem estar trabalhando em história com personagens de Watchmen

Recentemente, Tom King intrigou seus fãs ao publicar no Twitter o desenho de uma mão em preto e branco seguido do anuncio de um futuro projeto secreto. King já está bastante ocupado com seu trabalho em Batman, assim como também está guiando a nova minissérie do Senhor Milagre junto com o artista Mitch Gerads – que também ganhou um teaser em abril como um projeto secreto.

Depois de analisar algumas pistas na arte, e tendo em mente o atual mistério rondando os personagens de Watchmen no Universo DC, é possível que King esteja trabalhando em uma história focada em Rorschach.

A página em questão é obra de Jason Fabok, que recentemente também tweetou estar trabalhando em um projeto secreto – divulgando uma arte de neve caindo. A página com cinco painéis divulgada por King também aparenta estar situada em uma região com neve, e considerando que os dois já trabalharam juntos em Batman #21 – primeiro capítulo de The Button -, é ainda mais provável que ambos estejam trabalhando de uma história focada nos personagens de Watchmen.

Mas como isso se conecta com Rorschach? O personagem, que é um dos protagonistas da graphic novel de Alan Moore, foi visto pela última vez no exterior da base de Ozymandias na Antártida, um ambiente com constantes tempestades de gelo. Quando Rorschach toma conhecimento da verdade por trás das decisões que Ozymandias tomou para salvar o mundo, ele decidiu expor os crimes de Adrian Veidt, declarando que a única forma de impedi-lo seria matando-o. Dr. Manhattan, ouvindo isso, aparentemente desintegrou seu antigo companheiro de equipe, deixando para trás nada além de sangue na neve.

Mas e se Rorschach não tiver sido completamente desintegrado? E se alguma parte de seu corpo permaneceu intacta? A arte compartilhada por King oferece um close-up sobre uma mão amputada – mas não cortada cirurgicamente, e sim rasgada, como se tivesse sido explodida. Um vestígio, talvez, do ataque de Manhattan contra o anti-herói que poderia ter mudado o destino de seu mundo.

Uma capa variante lenticular de Doomsday Clock sugeriu que Rorschach poderia retornar, estreando no Universo DC. Se Rorschach estiver nos planos da DC Comics, seria sensato detalhar como sua ressurreição ocorreu – para não mencionar como ele poderia se encontrar com Superman, Batman, Mulher-Maravilha e o resto da Liga da Justiça.

Na arte, parece que algumas pessoas estão ajoelhadas próximas à mão fumegante. Espectral e Coruja estavam ambos dentro da fortaleza de Ozymandias quando Rorschach foi morto, e nenhum dos dois ficou ciente do destino de seu amigo. É possível que essas pessoas sejam Daniel Dreiberg e Laurie Juspeczyk observando os restos de Rorschach, talvez até mesmo prestando alguma homenagem. Se esse for o caso, parece que dessa vez iremos revisitar os eventos do final de Watchmen e aprender como um personagem que foi obliterado por Dr. Manhattan pode voltar à vida.

Trazer Rorschach de volta à vida é um grande risco. As expectativas ao redor de um possível retorno serão altas, e as críticas serão pesadíssimas se qualquer mínimo detalhe do roteiro não agradar. Felizmente, o histórico do Rebirth em tratar os personagens de Watchmen com respeito nos dá uma garantia de que King e Fabok poderão fazer um bom trabalho – tão bom quando Batman #21. A DC parece ter um plano para Rorschach, e se alguém pode trabalhar o personagem com competência, esse alguém é Tom King.

Escrito por Geoff Johns e ilustrado por Gary Frank, Doomsday Clock #1 tem data de lançamento marcada para 22 de novembro.

  • O Homem do Amanha

    Nesse eu confio

  • Eduardo Faria Guimarães

    Eu já esperava o retorno do Rorschach,mas não pelas mãos de Tom King,DC está apostando alto nele.

    • O Homem do QI200

      Bom, é algo arriscado, então é melhor deixar nas mãos de um cara que sabe trabalhar com histórias.

      • Eduardo Faria Guimarães

        Só espero que esse retorno seja convincente.

  • Espero que o Rorschach faça dupla com o Questão.