Grant Morrison vai co-escrever tie-in de Dark Nights: Metal

Grant Morrison vai se juntar a Scott Snyder para um tie-in de Dark Nights: Metal. No Twitter, Snyder confirmou que Morrison irá co-escrever o one-shot Dark Knights Rising: The Wild Hunt, que tem previsão de lançamento para fevereiro.

O run de oito anos de Grant Morrison com o Batman é considerado uma das fases mais lendárias do personagem. Com colaborações de Andy Kubert, Tony S. Daniel, J.H. Williams III, Frank Quitely e Chris Burnham, Morrison redefiniu o Batman no final dos anos 2010 e estabeleceu conceitos que se firmaram no Universo DC.

Apesar do anúncio da participação de Morrison na reta final de Dark Nights: Metal seja surpreendente, ela faz muito sentido. Um elemento recorrente no run de Morrison é o demônio Barbatos, que figura como grande antagonista do evento de Scott Snyder. A última vez que Batman enfrentou Barbatos foi depois que Darkseid o enviou de volta no tempo para destruir o presente – final de Crise Final, desenvolvido em O Retorno de Bruce Wayne. Embora Bruce Wayne tenha salvo o dia no final, Barbatos foi criado a partir de sua energia residual.

Dark Knights Rising: The Wild Hunt foi originalmente anunciado no início do mês, apresentando também Joshua Williamson e James Tynion IV nos roteiros, com Doug Mahnke e Ivan Reis fornecendo a arte interior. A solicitação menciona que os Cavaleiros das Trevas do Multiverso Sombrio estão procurando uma forma de parar um formidável time de heróis da DC formado por Flash, Cyborg, Ravena e Detetive Chimp. O one-shot também promete explorar o mistério ao redor da Montanha dos Desafiadores do Desconhecido e reintroduzir os Homens Metálicos na continuidade do Rebirth.

Dark Knights Rising: The Wild Hunt #1 tem data de lançamento marcada para 14 de fevereiro.

  • O Homem do Amanha

    Só Morrison mesmo pra melhorar essa saga