Detective Comics revela motivações do Batman do Amanhã

A revelação de que Mr. Oz manteve em sua prisão extradimensional uma versão do futuro de Trim Drake é algo que terá consequências ao longo de muito tempo nas histórias do Rebirth. Claro, o Batman do Amanhã que Mr.Oz retirou de seu tempo não é completamente estranho para os fãs do Robin Vermelho; no entanto, o personagem não aparecia em nenhuma história há quase uma década e, nesse momento, muitas coisas mudaram, tanto para Tim Drake quanto para o Universo DC em geral. Assim, o Batman do Amanhã descobriu que o hoje é muito diferente de como ele se lembra, e ele tem a chance de mudar seu próprio futuro se conseguir matar Batwoman.

O Batman do Amanhã apareceu pela primeira vez em 2004. Ele fazia parte de um futuro grupo de Titãs ao lado de Superman (Kon-El), Mulher-Maravilha (Cassie Sandsmark), Flash (Bart Allen), Homem Animal (Gar Logan), Aquawoman (Lorena Marquez) e Ravena. Após uma aventura com a Legião dos Super-Heróis, os Jovens Titãs acidentalmente acabaram indo parar dez anos no futuro, onde se encontraram com os Titãs do Amanhã. Embora se apresentassem como aliados e heróis, não demorou muito até que Superboy descobrisse que eles estavam torturando o Exterminador e percebesse que ele e seus amigos cresceriam e acabariam se tornando vilões.

Os Jovens Titãs conseguiram escapar de suas versões malignas e se encontraram com os Titãs da Costa Leste, equipe heroica que trabalhava para parar suas contrapartes da Costa Oeste. Enquanto as três equipes se confrontavam, o Batman do Amanhã manteve Tim Drake refém e explicou como todos morreram depois de uma grande fuga que houve no Asilo Arkham, forçando-o a tomar o manto de Batman depois que Asa Noturna se aposentou junto com a Estelar. Para manter a cidade segura, ele decidiu matar todos que cruzavam seu caminho, sejam eles vilões ou heróis. Eventualmente, a luta entre os Titãs acabou na Mansão Drake, onde os Titãs do Amanhã conseguiram usar a Esteira Cósmica para voltar ao presente com o novo objetivo de reescrever seu futuro.

Mas por que o Tim do futuro precisa matar a Batwoman? Em Detetive Comics #966 descobrimos que o futuro dos Titãs do Amanhã sofreu mudanças do que antes estava estabelecido – ou pelo menos alguns dos espaços em branco foram preenchidos para explicar como Tim Drake se tornou o Batman. Claro, Dick Grayson usou o manto primeiro, como ele muitas vezes já fez no passado, mas, de acordo com o futuro Tim, Dick eventualmente se estabeleceu e se afastou do mundo dos super-heróis para criar uma família. Então, como Gotham precisa de um Batman, Tim foi atrás de Jason Todd, apenas para encontrá-lo derrotado e quebrado após um duro confronto com a Liga dos Assassinos.

Durante esse tempo, Damian, o filho de Bruce Wayne, assumiu o papel de Batman. Já vimos Damian como Batman antes, principalmente no run de Grant Morrison – onde ele supostamente vende sua alma ao diabo para se tornar o melhor Batman possível. Enquanto nesse futuro Damian acabou por morrer em uma explosão nuclear depois que Gotham foi infectada por um vírus do Coringa, Tim conta que no seu passado, depois de retornar à cidade, ele matou Damian para mantê-la segura.

O Batman do Amanhã explica que, assim como se esforçaram para preencher o vácuo de um Robin após a morte de Jason, seu time eventualmente se esforçou para preencher o vazio de Batman quando ninguém mais poderia preencher esse lugar. Ele, misteriosamente, avisa que Tim logo entenderá que Kate Kane não é uma pessoa em quem ele possa confiar. Além disso, se o jovem Tim escolher ir para a Universidade Ivy, esse será o início da separação da Bat-Família.

Uma vez que os dois escapam da prisão de Oz e se veem de volta em Gotham City, o Batman do Amanhã rapidamente percebe que seu futuro pode ser mudado e que o presente está todo à sua disposição. Em um mundo onde Conner Kent não existe – e que um corte que ele dá em seu eu mais jovem cria uma cicatriz semelhante em seu próprio braço -, o Batman do Amanhã percebe que pode mudar o que significa “amanhã” para ele.

As revistas relacionadas ao Batman estão construindo o arco The Fall Of The Batmen há algum tempo, começando em Batwoman #6. Nessa edição, que se passa na Gotham do Amanhã, a maior parte da cidade é governada em um estado policial por Tim Drake e seus Homens-Morcego. A Colônia, liderada por Batwoman – com Jason Todd como seu segundo comando – é a única força que procura libertar a cidade, enquanto um pequeno pedaço de terra conhecido como Gotham Livre é o único território que não está sob o controle de Tim. Nessa história, Kate Kane visita a comissária de polícia Renee Montoya para tentar convencê-la a trabalharem juntas para libertar a cidade do controle de Tim, mas o encontro é comprometido pelos Homens-Morcego, que disparam e quase matam Montoya, forçando Kate a jurar vingança, prometendo a morte de Tim.

The Fall Of The Batmen começa oficialmente em novembro, em Detective Comics #969, e, a partir do texto de solicitação, parece ser uma história sobre os inimigos do Batman formando uma linha de defesa liderada por Cara-de-Barro enquanto todos os membros da Bat-Família estão quebrados de alguma forma. No entanto, essa não é a única revista em que veremos o Batman do Amanhã. Em dezembro, teremos um crossover entre Super Sons, Teen Titans e Superman intitulado Super Sons of Tomorrow e as as prévias da história tratam o Batman do Amanhã como o antagonista que quer matar o Superboy. De qualquer jeito, este seria o Tim Drake do Amanhã que quer encontrar uma maneira de trazer Kon-El de volta ao papel de Superboy e definir a linha do tempo como ele vê. Pelo visto, o Batman do Amanhã vai ficar no “hoje” por um bom tempo ainda.

Escrito por James Tynion IVThe Fall Of The Batmen começa em 22 de novembroSuper Sons of Tomorrow tem data de lançamento marcada para 20 de dezembro.

  • Wally West

    Eita e ja tem algumas ediçoes americanas aparecendo o Superboy Filho do Superman e Robina Damian, ajoelhados e outra dos Titãs com a Torre destruida.