[ASILO ARKHAM] A máfia de Gotham City

No início da carreira do Homem Morcego, Gotham era uma cidade bastante corrupta, sendo controlada por mafiosos em diversos níveis de sua estrutura. Em Batman: Ano Um somos apresentados à Carmine “Romano” Falcone, o poderoso chefão da família de mafiosos mais perigosa em Gotham City. A história mostra o Batman em inicio de carreira, enquanto Falcone já estava estabelecido como o criminoso mais notório da cidade.

Falcone tinha a polícia de Gotham em suas mãos. Na época, o comissário de policia Gillian Loeb e muitos policiais – dentre eles o tenente Flass, então parceiro do ainda detetive James Gordon – estavam na folha de pagamento do Romano.

Falcone acreditava se intocável, sendo responsável por todo tipo de crime em Gotham City, desde extorsão à assassinatos e tráfico de drogas. Por fazer parte de uma espécie diferente de criminosos, Romano considerava os vilões que passaram a surgir após a primeira aparição de Batman lunáticos fantasiados, e tinha a política de não trabalhar com nenhum deles, apesar de ter se aliado em um dado momento com Hera Venenosa, Chapeleiro Louco e Espantalho. Por razões ainda obscuras, a Mulher-Gato se tornou um problema para Falcone, invadindo sua mansão mais de uma vez e lhe deixando uma cicatriz no rosto graças às suas garras.

Bruce Wayne conheceu Carmine Falcone muito antes de se tornar Batman. Seu pai, Thomas Wayne, salvou a vida de Falcone quando ele era apenas um jovem, sendo levado por seu pai Vincent à Mansão Wayne, após levar um tiro de Luigi, pai de Salvatore Maroni.

A ascensão de James Gordon, aliada ao surgimento do Batman mais os esforços do então promotor de justiça Harvey Dent, trouxeram muitos problemas para o mafioso, que num ato de pura maldade e desespero, ordenou o sequestro do filho de Gordon, James Gordon Jr., na tentativa de silenciá-lo. Porém, com o auxilio de Batman, o garoto foi salvo.

A família rival dos Falcone eram os Maroni, que possuíam uma frágil aliança e disputavam Gotham City com unhas e dentes. Para acabar com a máfia em Gotham, Batman, Gordon e Dent decidem eliminar os milhares de dólares estocados das duas famílias que não puderam ser lavados. Com a aliança, o trio consegue levar Salvatore Maroni ao tribunal para depor contra Falcone, porém, durante seu depoimento, ele ataca Harvey Dent com uma espécie de ácido, que corrói o lado esquerdo de seu rosto, trazendo o Duas-Caras à tona.

1000106-twoface1p47

Consequentemente, Carmine Falcone é assassinado pelo com Duas-Caras com dois tiros na cabeça, pondo um fim ao mafioso, deixando a cidade nas mãos de uma nova classe de criminosos.

Outros membros importantes da Família Falcone, aliados e rivais:

  • Alberto Falcone: filho caçula do Romano, aparentemente não tinha envolvimento com as atividades do pai, apesar de demonstrar interesse. Assumiu todos os crimes do assassino em série Feriado.
  • Mario Falcone: filho do meio, tentou restabelecer o nome e a reputação da família como uma importadora honesta, entrando em conflito com sua irmã.
  • Sophia Gigante Falcone: filha mais velha de Romano, era o braço direito de seu pai, apesar de manter um caso extraconjugal com seu principal rival, Salvatore Maroni. Durante o assassinato de seu pai, Sophia acaba sofrendo um acidente. Aparentemente presa em uma cadeira de rodas, Sophia usou da aparência frágil para ninguém desconfiar que estava assassinando membros e ex membros da polícia que tinham conexão com Harvey Dent, se tornando o Assassino da Forca. Foi morta pelo Duas-Caras.
  • Carla Viti: matriarca da família Viti e irmã de Carmine Falcone, era responsável pelas operações criminosas em Chicago até ser morta pelo assassino em série Feriado.
  • Johnny Viti: filho e braço direito de Carla Viti. Esteve prestes a revelar todo o esquema criminoso de Romano à justiça, mas em vez disso fez um acordo com seu tio, que lhe pagou a festa de casamento. Também foi assassinado por Feriado.
  • Lucia Viti: filha de Carla, se tornou a responsável pelo crime organizado após as mortes de sua mãe e seu irmão.
  • Bobby Gazzo: Um dos amigos mais antigos de Falcone, Gazzo está para Metropolis assim como o Romano estava para Gotham. Era o consiglieri dos Falcones e colaborava nas conexões políticas.
  • Salvatore Maroni: Sal era o chefe da família rival dos Falcone em Gotham e foi o responsável por desfigurar o lado esquerdo do rosto de Harvey Dent. Foi morto por Alberto Falcone, o suposto assassino em série Feriado.
  • Humberto Maroni e Pino Maroni: filhos de Salvatore, assumem o comando da família após a morte de seu pai.
  • Anthony Zucco: membro da família Maroni, Zucco cuidava da área de transportes. Ao crescer na hierarquia da família, Zucco decide, em parceria com Edward Skeevers, utilizar o Circo Haly para realizar seus contrabandos. Foi o responsável pela morte dos pais de Dick Grayson. Ao final da clássica história, Zucco morre tentando fugir da Dupla Dinâmica.
  • Edward Skeevers: era responsável pela receptação, trafico e exportação de mercadorias roubadas. Skeevers deu seu depoimento delatando todo envolvimento do Sargento Flass, o que culminou com o fim da carreira policial do corrupto e, consequentemente, sua parceria com James Gordon.
  • Com a aparição dos chamados “super-vilões”, os mafiosos clássicos perderam espaço em Gotham, e o crime organizado passou a ser controlado por figurões como Pinguim, Máscara Negra, Maxie Zeus e o Ventríloquo com seu boneco Scarface.

O artigo deste mês chegou ao fim queridos leitores, mas não deixem de comentar e dar a opinião de vocês.

Mês que vem tem mais!